Buscar

A Nogueira Fernandes apoia Hospital Pedro Hispano na luta contra a Covid-19

O pedido era urgente e o tempo escasso. A Nogueira Fernandes tinha apenas duas semanas para fazer nascer a nova ala destinada aos cuidados intensivos, no Hospital Pedro Hispano, em Matosinhos. Respondemos prontamente ao pedido, não fosse esta uma altura de todos vestirmos a capa de heróis e tentarmos, juntos, salvar o mundo.


Vestimos a nossa - de cor verde esperança - e ajudamos da melhor maneira que sabíamos: a construir. Devidamente protegidos e a um ritmo mais acelerado, levantamos aquele que será um lugar - com mais de 400 m2 - de ajuda e proteção para muitos doentes, bem como de segurança para muitos profissionais de saúde.


Sabíamos que o mundo estava doente. Mas enquanto criávamos a base e erguíamos as paredes que viriam a proteger quem luta contra o vírus, havia uma pequena folha de papel com um arco-íris desenhado, numa janela do Hospital, mesmo de frente para a nossa estrutura. Um sinal que estamos todos no caminho certo.


Vemos a realidade de perto. Realidade não só de quem trabalha todos os dias para combater a doença, mas de quem a vive. É duro e triste. Cabe-nos fazer a nossa parte. Por isso, a Nogueira Fernandes não podia deixar de fazer um apelo que tanto tem sido feito: se puder, fique em casa. Por si, pelos seus e pelos outros. Porque no final só queremos uma coisa: que fique mesmo tudo bem.